Defumação

 

A defumação é essencial para qualquer trabalho num terreiro de Umbanda.
É também uma das coisas que mais chamam a atenção de quem vai pela primeira vez assistir a um trabalho.
Em geral a defumação na Umbanda é sempre acompanhada de pontos cantados específicos para defumação.

 

Defuma esta casa bem defumada, com a cruz de Cristo ela vai ser rezada. (bis)

Sou rezador, sou filho de umbanda, com a cruz de Deus todo mal de abranda. (bis)

(Por Dannyelle)

——–

Eu fui nas matas apanhar guiné
Para defumar os seus filhos de fé
(2x)

Defuma eu, Babá
Defuma eu, Babá

Pois esta casa
Também é de Oxalá

(Ponto enviado por Ricardo Munck)

———-

Defuma Angola , defuma congo, defuma gueto, defuma nagô
Salve a Bahia e os mineiros
Defuma ponto em nome de Nosso Senhor

(Ponto enviado por Fernando Jorge)

———-

Defumei, defumei em nome de Oxalá
Que todo o mal que aqui estiver
Parta pras ondas do mar

(Ponto enviado po Mateus)

———-

Cheirou guiné, defuma assistência
assistência de fé
defuma jurema!

nossa senhora incensou o seu altar
para todos seus filhos cheirar
oi dá licença para incensar o seu altar
pro mal sair e a felicidade entrar

(Ponto enviado por Thaís)

———-

Nossa Senhora incensou o seu altar
Ô incensou para Oxalá
Peço licença a aldeia e aos caboclos
Pro mal sair e o bem entrar

Arruda e Alecrim a Umbanda cheirou
Cheirou…Cheirou…
Cheirou a nossa Umbanda

(Ponto enviado por Nil de Oxum)

———–

Defuma defuma
E vamos defumar
Levando esses males
Pras ondas do mar

(ponto enviado por Sandra)

———-

Defuma defumador
A casa é de Ogodô
Seu nome é Pai Xangô
Oi defuma defumador

———-

Meu Pai Oxósse, dai-me licença pra defumar
Eu defumo, eu defumo essa aldeia real.
Meu Pai Ogum, dai-me licença pra defumar
Eu defumo, eu defumo essa aldeia real.
Mamãe Oxum, dai-me licença pra defumar
Eu defumo, eu defumo essa aldeia real…

(Pontos enviados por Mãe Ana D’Ogum)

———–

Oi, essa casa cheira
Oi, essa casa cheira
Está cheirando rosas
e botões de laranjeira
Oi, essa casa cheira
Oi, ela vai cheirar
Com a benção divina
De meu Pai Oxalá

(Ponto enviado por Andressa Lopes)

———-

ele e resador
ele vai defumar
ele resa seus filhos e mal vai levar
defuma defuma ele vai defumar
ele resa seu filhos e o mau vai levar

(Ponto enviado por Vitor)

———-

Sobe fumaça
Desmancha no ar
Ôh, leva a quizumba
E todo o azar

———-

Defuma com as ervas da Jurema
Defuma com arruda e guiné
Defuma com as ervas da Jurema
Defuma com arruda e guiné

Benjoim, alecrim e alfazema
Vamos defumar, filhos de fé
Benjoim, alecrim e alfazema
Vamos defumar filhos de fé

———-

Juremê, Jeremeira
Olha as folhas das palmeiras
Juremê, Juremeira
Olha as folhas das palmeiras
Jurema vem lá das matas
Vem trazer nesse congá
O seu cheiro de incenso
P’rá seus filhos defumar
Cheira mirra, benjoim
E também cheira incenso
Defuma filhos de pemba
Com as ervas da Jurema
Cheira mirra, benjoim
E também cheira incenso
Defuma filhos de pemba
Com as ervas da Jurema”

(Pontos enviados por Andrezza Lopes)

———-

Defuma Ele Se Ele Merecer
Defuma Ele Se Ele Merecer
Defuma Ele Oh Mamã De Aruanda
Leva Os Pesos Para O Mar!

———-

Defuma Com As Ervas Da Jurema
Defuma Com Arruda E Guiné

Com Berjuim, Alecrim e Alfazema
Vamos Defumar Filhos De Fé

(Pontos enviados por Andreza)

———-

Essa casa tem quatro canto e cada canto tem seu santo
Onde mora o caiz do centro e o divino espirito santo
Zum, zum, zum olha lá Jesuz quem é eu juro por Deus e Zambi nego cai eu fico em pe. 2x
Zum zum zum olha lá Jesuz quem é vamos defumar todos filho que tem fé. 2x

(Ponto enviado por Bruno Weldel)

———-

To incensando, to defumando
a casa do Bom Jesus da Lapa

To incensando, to defumando
a casa do Bom Jesus da Lapa

Nossa Senhora incensou a Jesus Cristo
Jesus Cristo incensou aos filhos seu

Eu incenso, eu incenso essa casa
Na fé de Oxossi de Ogum e Oxalá
(enviado por Ingrid)

——————————————————————–

nossa senhora incenseu seu amado filho para com ele seu mundo salva
vamos incensar a essa aldeia de caboclo para o mal sair e o bem entrar
vamos incensar a essa aldeia de caboclo para o mal sair e o bem entrar
(enviado por Flavia)

———————————————————–

mas eu defumo essa casa santa
mas eu defumo esse cansuá
mas é a casa santa da umbanda
pro mal sair e o bem entrar…
(enviado por vânia)

—————————————-

Jurema deu as ervas
ai Ogum deu beijoim
Pai Oxalá mandou
Defumar você, eu vim
Esta fumaça santa
Ela vai lhe proteger
De tudo que for mal
Que alguém possa lhe fazer
—–
Deu um vento lá nas matas / Jogou as folhas no chão / E os caboclos estão apanhando / Pra fazer defumação
Como cheira a Umbanda / A Umbanda a cheira / Cheira arruda e guiné / Alfazema e Alecrim
——
Nossa Senhora incensou seu bento filho / Jesus Cristo defumou os filhos seus / Eu incenso, eu incenso está casa Na fé de Xangô e Iansã
——
Estou incensando, estou defumando / A casa do pai xangô / Estou louvando / Estou incensando, / Estou louvando Estou incensando / A casa do meu pai xangô / A casa do meu pai xangô
——
Meu pai Oxóssi / Peço licença pra defumar / Eu defumo eu defumo / Essa aldeia real
——
Ogum meu pai / Protege os filhos seu / Defuma nossa gira meu pai / com guine e a graça de Deus.

(enviados por gabriella)

—————————————————

Defuma a coroa de le,
A coroa de le,
Meu mano e de marajó,
Ai,ai,ai,
Meu mano e de marajó,
Defuma a coroa de le.
(enviado por Sanosuke)
—————————-
Oi na Manguera, Manguera, Manguera
Oi Ganga Oi lá nas matas tem Mironga
Folha por folha Oi ganga
Oi lá nas matas tem mironga
———-
Vamos defumar / Vamos defumar
Defuma Filhos de Fé com licança de Oxalá
Vamos defumar / Vamos defumar
Defuma Casa de Fé com licença de Oxalá.

(pontos enviados por Robinson)

———–

Oxóssi das matas
pede licença pra defumar
Defuma,defuma
na fé de Pai Oxalá

(ponto enviado por Carla)

———-

Quando eu abro a gira a Umbanda vai defumar
Quando eu abro a gira a Umbanda vai defumar

É na fé de Pai Oxalá que a Umbanda vai defumar
É na fé de Pai Oxalá que a Umbanda vai defumar

É na Fé de Pai Ogum que a Umbanda vai defumar
É na Fé de Pai Ogum que a Umbanda vai defumar

(Ponto enviado por Marcelo Salvan)

———-

Defuma com as ervas da jurema
Defuma com arruda e guiné

Defuma com as ervas da jurema
Defuma com arruda e guiné

Com benjoim alecrim e alfazema
Vamos defumar filhos de fé

(ponto enviado por Patrícia)

———–

A Umbanda queimou, cheirou guiné
Vamos defumar filhos de fé
A Umbanda queimou, cheirou guiné
Vamos defumar filhos de fé
Defuma eu Babá
Defuma eu Babalaô
Defuma eu Babá
Defuma eu Babalaô

———-

Defumador que cheira Guiné,
Vem defumar seus filhos de fé,

Defumador que cheira Guiné,
Vem defumar seus filhos de fé,

Defuma eu mamãe,
Defuma eu mamãe.

Defuma eu mamãe,
Defuma eu mamãe.

———–

A mata queimou cherou guiné
Vamos defumar filhos de fé,

Olha a mata queimou cherou guiné,
Vamos defumar filhos de fé.

(pontos enviados por Patrícia)

———–

Defuma ahe o minhas almas
defuma os seus filhos pro mal se afastar
eu ja pedir a OXUM na cachoeira
eu ja pedir a IEMAJA la no mar
eu ja pedir os CABOCLOS la nas matas para os seus filhos o mau se afastar

(ponto enviado por Fabiana)

———-

Defuma defuma e vai defumando
na linha de umbanda os maus vai levando
ele é rezador ele é filho de umbanda,
defuma seus filhos os maus vai levando.

(ponto enviado por Aline)

———-

Nossa Senhora Incensou,
seu amado filho,
para com ele seu mundo salvar,
“estou incensando,
essa aldeia de caboclo,
para o mau sair e o bem entra”(bis)
Princesa Flora, já foi filha e hoje é mãe(bis)
é no Luar, é no Luar, é no Luar
Princesa Flora é Rainha de Orixá.
Estou Incensando essa aldeia,
e o lenço não caiu, de minha mão
mas defuma essa aldeia,
se ela merecer
(defuma essa aldeia mamãe de aruanda
que eu quero ver, bis)

(enviado por Edson)